Forrozeiros aproveitaram o último dia de festejos no Alto do Moura

Gente de todo lugar se encontrou no bairro mais emblemático do São João de Caruaru

(Fotos: Renand Zovka)

Os forrozeiros aproveitaram até o último minuto os festejos do Alto do Moura, neste sábado (30), em Caruaru, quando se encerra o São João da cidade. Como manda a tradição, a festa começou ainda pela manhã, às 10h, no Polo Mestre Vitalino, com as apresentações de Gilsinho do Acordeon, Renyelton, Fogo e Forró e Arina Costa. No Polo Coreto, uma novidade desta edição, o forró de pé de serra deu as boas-vindas aos turistas e visitantes da região com as apresentações dos trios Forró do Bom e Fuá.

Para muitos, foi a última chamada para aproveitar, mas teve quem curtiu os festejos durante todo o mês e retornou ao polo para encerrar o período com mais um dia para ficar na lembrança de um São João cheio de ritmos, cultura, encanto e animação. Para a Família Santos foi o momento de confraternizar. Reunidos na entrada do Polo Mestre Vitalino, cerca de 30 pessoas celebraram com sanfona, zabumba e triângulo o segundo ano de reencontro. O esquema era não ficar parado, nem na hora do intervalo das atrações. Valia tudo para recompensar a saudade e comemorar o momento que reuniu os primos de São Paulo, Minas Gerais, Alagoas e Pernambuco.

“Nossa família se separou por conta do distanciamento e da migração da família para São Paulo, e acabamos nos distanciando. Caruaru foi escolhida para vivermos esse momento, por remeter à nossa cultura nordestina. Foi a oportunidade da terceira geração da família conhecer suas origens”, explicou Feliclébia Alves dos Santos, de Chã de Alegria-PE, que organizou a caravana de primos para curtir o São João no Alto do Moura.

Houve também aqueles, que mesmo sendo da cidade, só tiveram tempo de aproveitar os festejos no último dia, como no caso de Lucas Fernandes. “Como eu tenho uma rotina de trabalho liberal, só tive tempo de vir hoje. Minha intenção é compensar o mês inteiro e aproveitar o máximo que puder, porque agora, só em 2019”, declarou. E foi dessa forma que o São João de Caruaru se despediu no Alto do Moura, deixando um sentimento de saudade no ar … mas é como bem diz o verso do cantor e compositor caruaruense Azulão, o ‘pequeno grande’: “Adeus minha rosa, adeus meu amor. Até para o ano se ”nois” vivo for”.

COMPARTILHAR