Muito forró, cultura e boas vendas na véspera de São Pedro no Alto do Moura

 

Nesta terça-feira (28), véspera do Dia de São Pedro, o Alto do Moura estava cheio de visitantes deslumbrados com a riqueza cultural do Maior Centro de Artes Figurativas das Américas.

A diversidade de experiências que o Alto do Moura proporciona atrai muitos turistas que vem de cidades vizinhas para aproveitar, como a turista Claudineide Rosane, que veio de Palmares para mais uma vez curtir o São João no Alto Moura. “Eu adoro vir aqui, é um lugar aconchegante, onde venho aproveitar para dançar um pé de serra e me deliciar com as comidas regionais”, disse a turista.

Para aqueles que trabalham na localidade como, comerciantes e artistas do barro, após dois anos sem esta movimentação no período junino, que gera emprego e renda, finalmente, puderam ver a economia do Alto do Moura esquentar novamente. De acordo com Márcio Nunes, proprietário de uma petiscaria, as vendas estão boas neste São João. “Graças a Deus este ano consegui fazer um bom negócio! O movimento está sendo super positivo”, disse o comerciante.

Já no Polo Mestre Vitalino, nesta terça-feira, os artistas que subiram ao palco e fizeram a alegria dos forrozeiros foram: o Trio Fole de Ouro, Cristina Amaral, Jucélio Vilela e Fabiana Pimentinha. A cantora Cristina Amaral, que se apresentou pela primeira vez neste polo, disse que foi muito significativo cantar no Alto do Moura, “Estou muito feliz com esta nova experiência, cantar neste lugar que é cheio de representatividade cultural e tradição”, disse a artista.

 

Fotos: Felipe Correria

COMPARTILHAR