Prefeitura de Caruaru encerra 2018 com grandes obras entregues e mais de 140 em andamento na cidade e zona rura

Além da Via Parque, Canal dos Mocós e requalificações, mais de 35 ruas estão com obras de calçamento em andamento

(Fotos: Divulgação)

Finalizando o ano de 2018, a Prefeitura de Caruaru, através da Secretaria de Urbanismo e Obras (SEURB), realizou inúmeras obras e intervenções por toda a cidade e zona rural. Algumas dessas execuções se destacam, tanto pelo tamanho de sua obra, como pelo alcance de pessoas beneficiadas. Só em calçamento, 35 ruas foram concluídas e entregues à população e mais 35 estão com obras em andamento, mas já em processo de finalização. Ao todo, em menos de dois anos de gestão, 55 vias foram calçadas em Caruaru.

Este ano, foram entregues a pavimentação do acesso à Vila Andorinha, com quase dois quilômetros de extensão; o Monte Bom Jesus, que teve suas obras iniciadas em 2017, divididas em duas etapas, com investimentos orçados em R$ 1,4 milhão, através de recurso próprio e do Fundo de Desenvolvimento Municipal – FEM.

No Monte, foram entregues à população um receptivo turístico, a requalificação do entorno da igreja, oito novas barracas para o comércio de tapiocas, área de lazer para crianças, requalificação dos mirantes norte e sul, área de convivência, recuperação total da escadaria principal, a implantação de corrimãos em toda a sua extensão, anfiteatro com arquibancadas, novos pontos de iluminação, um novo mirante e, ainda, a via sacra, com 15 estações, todas totalmente recuperadas, além da quadra poliesportiva, inaugurada há pouco, com investimentos finalizados no total de quase R$ 300 mil.

Ainda no Monte Bom Jesus, para finalizar por completo o projeto de requalificação, está sendo construído o Centro Municipal de Ensino Infantil (CMEI) Dom Costa, que terá aproximadamente 860m², com capacidade para atender 175 crianças, de zero a três anos de idade.

Os bairros da cidade também receberam a recuperação de áreas públicas de convivência. Foram 60 pontos que fazem parte de um projeto, que visa recuperar suas áreas de lazer e prática de atividades físicas. A ação consiste na pintura de todo o local, pavimento, reposição e conserto de bancos e brinquedos, manutenção de piso, além de jardineiras e gradis.

A Operação Asfalto Novo também percorreu diversas localidades, com execuções em oito bairros, sendo eles: Boa Vista I, Boa Vista II, Indianópolis, São Francisco, Centro, Universitário, Alto do Moura e Maurício de Nassau, contemplando mais de 25 ruas.

Hoje, a Prefeitura de Caruaru, conta com mais de 140 obras em andamento, entre elas a Via Parque, que prevê uma nova opção de mobilidade urbana que atravessará a cidade de leste a oeste, com implantação de ciclovia, ciclofaixas, pistas de cooper, bicicletários, academias, quadras poliesportivas, praças de convivência, ecopontos e nova iluminação. O projeto contempla um total de 7.000 metros de intervenção, dividido em três eixos: centro, leste e oeste da cidade. A primeira etapa, localizada no denominado eixo centro, a partir da BR 104 (início da Avenida Rui Barbosa) até o Pátio de Eventos Luiz Lua Gonzaga, terá 2,2 quilômetros de extensão e um custo de 4,8 milhões de reais, com previsão de conclusão até outubro de 2019. Além de conter vários espaços de lazer, tanto para crianças, como para as pessoas da terceira idade. A obra irá contemplar cerca de 14 bairros da cidade, com uma estimativa de 150 mil pessoas beneficiadas.

Já o Canal dos Mocós está com prazo previsto para término de toda obra no primeiro semestre de 2019. As execuções compreendem desde a Avenida Leão Dourado (Caiucá) até a Avenida Caruaru (Boa Vista), passando ainda pelos bairros João Mota, Kennedy, Panorama e Afonsinho. Para esta obra, serão investidos, aproximadamente, 15 milhões de reais, vindos de recursos próprios e convênio com o Ministério da Integração Nacional.

A drenagem do Canal do Salgado, que está localizado na Rua Antônio de Freitas Torres, também têm execuções sendo realizadas nas escavações de rochas e demais materiais para, em seguida, ser iniciada a execução do bueiro celular duplo, que terá 1,5 metros de altura e 1,5 metros de largura. A extensão total da intervenção será de 454m aproximadamente e da canalização de 3,45m. No local, também serão executadas a pavimentação e construção de bocas de lobo para auxiliar na drenagem superficial. As obras terão um investimento de quase R$ 1,5 milhão, com previsão de conclusão de até seis meses.

Além de todas estas obras em execução, também se destacam as obras no Parque 18 de maio, como a requalificação do Mercado de Carne, Mercado de Farinha, Casa Rosa, a requalificação de passeio em intertravado; a construção de três novas baterias de banheiros e reforma dos banheiros existentes.

Também vale salientar a requalificação do Centro, com obras na Praça Leocádio Porto e Largo dos Guararapes; a requalificação do Mercado de Carne do Juá; a construção de nove novas praças, com a primeira já entregue aos moradores do bairro José Carlos de Oliveira; a recuperação das estradas vincinais; a reforma da lavanderia do bairro Centenário; bem como o conjunto de escolas e CMEIS que estão sendo requalificados e construídos, entre outras obras.

Para finalizar, na área de manutenção, as equipes atuaram em 2018 com um total de 2.454 intervenções, sendo 1.384 com manutenções de calçamento e 1.010 em saneamento.

COMPARTILHAR