Prefeitura de Caruaru promove reuniões informativas com beneficiários do PNHR

(Fotos: Jorge Farias)

Durante este último final de semana, a equipe de acompanhamento social da Prefeitura de Caruaru se reuniu com os 416 beneficiários do Programa Nacional de Habitação Rural (PNHR). As reuniões aconteceram sábado (15) e domingo (16), no sítio Xicuru e na Vila do Rafael, respectivamente. O objetivo foi repassar informações primordiais sobre o empreendimento que já está em construção, além de apresentar os cursos que serão oferecidos, gratuitamente, aos agricultores durante o processo.

Para a técnica social, Juliana Oliveira, o encontro foi bastante proveitoso, pois permitiu aos campesinos esclarecerem possíveis dúvidas. “Esse acompanhamento orientou os agricultores e agricultoras, que foram contemplados com a casa própria, a tomarem ciência dos seus direitos e deveres. Aqui também mostramos a importância da capacitação para que eles possam melhorar a renda familiar, dentro do que proposto para cada distrito. Vamos ofertar cursos de Criação de Galinha Caipira; Caprinocultura, Arte em Costura para todas as comunidades, e para o primeiro distrito, de Horticultura que também será garantido. Todos os cursos com certificado nacional”, assegurou.

Dona Lucia Neves que foi favorecida pelo programa, não conteve a emoção em falar do sonho realizado. “Já tinha me inscrito há um tempo. Eram só promessas e o meu sonho ficando de lado. Hoje, estou aqui com os representantes da Prefeitura de Caruaru já me passando orientações e informações sobre a minha casa nova. Eu nem acredito que vou ter uma casa digna e decente, só numa gestão como esta para que os pobres sejam vistos como gente, pois entrou prefeito e saiu prefeito todos prometeram e ninguém fez”, comemorou.

O senhor Francisco José dos Santos celebrou o momento e agradeceu por não precisar mais morar em casa de taipa. “Eu agradeço primeiramente a Deus e depois a Prefeitura que se lembrou dos agricultores que sofrem a cada dia com a seca, muitas vezes até com a fome, porque não tem onde trabalhar e, quando consegue buscar o pão de cada dia, volta pra casa e tem que dormir no barro e com o medo da casa cair. Agora eu estou muito feliz e daqui a poucos dias, quando a minha casa estiver pronta, vou poder dormir tranquilo e numa casa de verdade”, afirmou.

Foram beneficiadas pelo PNHR 416 famílias dos quatro distritos que viviam em situação sub-humana. A ação está sendo realizada em parceria com a Caixa Econômica Federal.

COMPARTILHAR