Raquel Lyra vistoria obras da Maternidade Municipal e Canal dos Mocós

A maternidade realizará cerca de 300 partos por mês. Já o Canal dos Mocós evitará inundações em vários bairros da cidade

(Fotos: Jorge Farias)

A prefeita de Caruaru, Raquel Lyra, visitou, na manhã desta quinta-feira (19), duas importantes obras para a população da cidade: a Maternidade Municipal e o Canal dos Mocós. As visitas foram acompanhadas pelo vice-prefeito Rodrigo Pinheiro, secretários municipais, vereadores, além do ex-governador João Lyra Neto, engenheiros e técnicos.

A obra da Maternidade Municipal, localizada no bairro Luiz Gonzaga, foi iniciada no último dia 2 de julho. A área do terreno é 31.579,00 m², sendo que de construção serão 6.352,18 m². O projeto do arquiteto Roberto Freitas conta com três salas cirúrgicas, 58 leitos (alojamentos conjuntos); 10 leitos PPP – pré-parto/ parto/ pós-parto e seis leitos UCIN – Unidade de Cuidado Intermediário Neonatal, entre outros equipamentos. O investimento é de R$ 15.280.495,72 e a obra, que está sendo executada pela empresa Construsel, tem previsão para ser concluída em 18 meses.

“Passamos um ano para destravar o recurso e agora a obra acaba de virar realidade. Aqui serão feitos 300 partos por mês e atenderá toda a população da nossa cidade”, ressaltou a prefeita. “Aqui estamos todos reunidos, para fazer de Caruaru uma cidade melhor para se nascer e melhor para se viver”, completou.

Canal dos Mocós – Pela manhã, a prefeita também foi vistoriar o andamento da canalização dos córregos do Salgado e Mocós, na zona urbana de Caruaru. A obra é para evitar a incidência das inundações e cheias ao longo dos bairros por onde passa o canal, a exemplo do Caiucá, João Mota, Kennedy, Boa Vista, Panorama e Afonsinho, proporcionando melhores condições de vida à população residente nas áreas afetadas.

O valor total da obra é de R$ 15.990,874,72 e está prevista para ser concluída em dezembro de 2019. Da metragem total de 2.420 metros, somatória dos dois trechos, foi executado até o momento 1.090 metros, que representa do 45,04% e, consequentemente, a finalização do primeiro trecho. A segunda etapa está sendo executada e já foi contemplado um total de seis pontilhões.

COMPARTILHAR