Rodrigo Pinheiro entrega novos equipamentos para Guarda Municipal

Além das novas ferramentas, projeto do Executivo foi encaminhado ao Legislativo aumentando o percentual de risco de vida da categoria

A Prefeitura de Caruaru, por meio da Secretaria de Ordem Pública (Secop), realizou a cerimônia de entrega de equipamentos à Guarda Municipal, na manhã desta quinta-feira (11), no Complexo Administrativo da PMC, no bairro Universitário.

“Essa entrega de equipamentos serve para trazer mais segurança para nossa cidade. Também destacamos a valorização da categoria, por meio de projeto enviado para Câmara, aumentando o percentual de risco de vida, de 30% para 50%. Na próxima semana, teremos mais uma entrega no Marco Zero da cidade. Além disso, haverá concurso público para a categoria. Agradeço o trabalho e o empenho de todos!”, pontuou o prefeito Rodrigo Pinheiro.

Em portaria publicada no Diário Oficial, no último dia 28 de julho, o prefeito Rodrigo considerou a Lei Federal 13.022/2014, que institui normas gerais para as Guardas Municipais do Brasil doutrinando o uso progressivo da força como um dos princípios mínimos de atuação da GM, atuando preventivamente e permanentemente para a proteção sistêmica da população.

Dessa forma, a partir de agora, a tropa da Guarda Municipal de Caruaru terá a disposição diariamente, para aperfeiçoar os trabalhos, o uso do Dispositivo Elétrico Incapacitante – SPARK, Spray Espargidor e algemas, além das Identidades Funcionais que foram distribuídas para os 120 GMs, como forma de identificação e valorização dos serviços prestados à população.

“É essencial que os guardas possam utilizar esses equipamentos. A SPARK é uma arma não letal, porém muito eficaz para controlar pessoas em situações de conflito, situação semelhante com o espargidor e as algemas. Essas ferramentas apenas serão usadas se a Guarda Municipal julgar seguro e necessário”, detalhou o secretário de Ordem Pública, coronel Patrício Filho.

“Foi um momento muito gratificante e de reconhecimento com a tropa. Estamos trabalhando há 12 anos e nunca tínhamos tido uma valorização como agora. Tanto no percentual de risco de vida como nas identidades funcionais e equipamentos. Todas essas melhorias deixam todos mais motivados e garantem também mais segurança para aos moradores de Caruaru”, analisou o comandante da GM, Carmelo Chalegre.

COMPARTILHAR